Igreja nomeia líder específico para Ministérios Especiais


Pastor Edison Choque já atuava com a área de necessidades especiais, que agora recebe um impulso maior por conta do voto no Concílio Quinquenal

Brasília, DF … [ASN] No segundo dia de trabalhos da Comissão de Nomeações, outra proposta de nomes foi apresentada e os membros do Concílio Quinquenal aprovaram o nome de mais indicados a funções na organização. Na Divisão Sul-Americana, a sede geral da Igreja para oito países do subcontinente, foram nomeadas três pessoas. O pastor Edison Choque, que já dirige os departamentos de Escola Sabatina e Missão Global, passará, agora, a responder, também, pela área chamada Ministérios Especiais. É um ministério que se dedicará a pensar em projetos, programas, materiais e estratégias para pessoas que necessitam de um atendimento diferenciado. Na prática, envolve o trabalho com públicos que possuem algum tipo de deficiência ou mesmo grupos étnicos ou culturais que exigem uma metodologia diferente de aproximação por parte da Igreja.

O pastor Herbert Boger, que era o secretário ministerial associado, passa agora a ser o novo diretor de Mordomia Cristã. Ele substitui ao pastor Marcos Bomfim, indicado para a mesma função na sede mundial da Igreja. Outra novidade foi a nomeação do pastor Everon Donato, atual líder de Ministério Pessoal na sede sul-americana adventista, para atender, também, a Ação Solidária Adventista (ASA), um departamento responsável pelas ações sociais no nível das congregações locais.

Nomeações regionais

Nas regiões administrativas também houve nomeações e algumas mudanças. É importante frisar que, no Concílio Quinquenal, só são nomeados os administradores das Uniões com um status chamado União/Missão (que são 12 atualmente), enquanto quatro delas (União Sul-Brasileira, União Central Brasileira, União Sudeste Brasileira e União Argentina) têm autonomia para escolher seus administradores em assembleias regionais.

Nomeações ou indicações de diretores de departamentos das Uniões e mesmo administradores de Associações ou Missões ocorrem em assembleias regionais.

A União Peruana do Norte, com sede em Chaclacayo e que coordena as atividades da Igreja na região norte do Peru, tem novo presidente. É o pastor Bill Quispe, que até agora atuava como secretário-executivo nessa União. O secretário passou a ser, então, o recém-nomeado pastor Juan Saldaña. E o diretor financeiro continua sendo Jorge Montero.

Na União Noroeste Brasileira, com sede em Manaus e que atende a Igreja Adventista nos Estados brasileiros do Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima, foi votado um novo secretário executivo, o pastor Valdoni Fiúza. Ele substitui ao pastor Jessé Oliveira, que faleceu em agosto desse ano. O presidente, pastor Gilmar Zahn, e o diretor financeiro, Celso dos Santos, foram reconduzidos.

No caso da União Leste Brasileira (com sede em Lauro de Freitas, Bahia, e que administra a Igreja na Bahia e Sergipe) e União Nordeste Brasileira (com sede em Recife, Pernambuco, e que administra a Igreja para os Estados de Pernambuco, Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Piauí), todos os administradores foram reconduzidos.

União Leste Brasileira:

Geovani Queiroz (presidente), Ivo Vasconcelos (diretor financeiro) e Eber Liessi (secretário-executivo)

União Nordeste Brasileira:

Moisés Moacir (presidente), Flávio Santos (diretor financeiro) e Lucas Alves (secretário-executivo)

[Equipe ASN, Felipe Lemos]

Leia mais em: http://noticias.adventistas.org/pt/departamento/escola-sabatina/